O professor e terapeuta carioca Arnaldo V. Carvalho, militante do cenário que envolve o nascimento, virá ao Laço Materno nos dias 14 e 15 de abril de 2018 ensinar técnicas especiais de cuidado com a mãe-bebê durante todas as suas fases, inclusive no trabalho de parto e pós-parto.

O Laço Materno estará publicando, em primeira mão, uma série de artigos inéditos, Ensaios do Nascimento. Eles abordarão tópicos importantes sobre o tema, ajudarão os profissionais de saúde da área e as mães grávidas a estarem um passo à frente em seus cuidados e empoderamentos e poderão ser aprofundados na vinda do professor.

Segue aqui uma apresentação onde Arnaldo manda sua proposta para os textos dos próximos dias.

 

Um olá ao leitor dos Ensaios do Nascimento

Olá, sou o terapeuta Arnaldo V. Carvalho e vou apresentar uma série de textos para profissionais e leigos, relacionados ao contexto da gestação, parto e pós-parto. Muita coisa que estou trazendo para vocês é uma síntese, ou uma mescla de fundamentações, que incluem a naturopatia, a visão de saúde oriental, a psicoterapia de base corporal reichiana, o trabalho científico representado sobretudo pela obra de Michel Odent, e o que aprendi nesses últimos vinte anos atendendo gestantes e suas famílias, e porque não, vivendo minhas próprias experiências em paternidade e maternidade.

Antes de começarmos, gostaria de fazer algumas considerações sobre o tema, que para alguns talvez sejam óbvias, mas que marcarão todos os textos, técnicas e dicas que darei aqui e também quando estivermos juntos no curso de Campo Grande.

Em primeiro lugar dizer que a concepção natural de gestação e parto – isto é, o parto fisiológico – NÃO INCLUI intervenções. Ou seja, todos os estudos mostram que a mulher, no que diz respeito ao seu processo de gerar, parir, amparar e amamentar seu filho segue com todos os componentes primitivos presentes nos demais mamíferos. Em tese, toda mulher tem o potencial de gestar, parir e nutrir seu filho. Isso significa que quase sempre nossa atuação seria desnecessária. E significa ainda que, já que isso está longe de ser uma realidade nos centros urbanos de nosso país, algo bem errado está acontecendo. E não é de agora.

Sem dúvida, Odent já nos alerta de que uma das primeiras situações de controle social, surgida ainda no neolítico  – em detrimento do poder da mulher – é observável na diversidade de meios de bloqueio dos instintos maternos – fonte de boa parte dos problemas encontrados ao longo do processo.

Atualmente, para além de rituais do passado e métodos hospitalares, desencorajamento progressivo da autonomia da parturiente, ocupação da mulher em um mundo do trabalho que não respeita seu ritmo natural, rebaixamento silencioso da sexualidade da mulher, e diversas situações de stress, sedentarismo e oferta tecnológica compensatória, as coisas tomaram um vulto onde o desenvolvimento natural da fisiologia feminina no período primal (da concepção ao primeiro ano de vida do bebê) está seriamente ameaçado.

Nesse momento, os profissionais de saúde, tem duas escolhas a fazer:

  1. Criar intervenções que compensam ou superam as problemáticas surgidas pelo bloqueio da fisiologia natural (e podem atropelar de vez essa fisiologia, mesmo que do ponto de vista raso as coisas “deem certo”);
  2. Criar modos de proteger ou favorecer a fisiologia natural.

Os textos que se seguirão são todos norteados pela escolha de proteger e favorecer a fisiologia natural o mais possível, e quando não for possível, oferecer as técnicas mais eficientes, e menos anti-fisiológicas possíveis sempre com foco na retomada do poder e autonomia da mãe para a mãe.

 

Espero que gostem do que vem por aí.

Um abraço,

Arnaldo V Carvalho

Acompanhe aqui todos os textos da série “Ensaios do Nascimento” do professor Arnaldo V. Carvalho.

Ensaios do NascimentoTextos inéditos sobre o gestação, parto e pós parto: Arnaldo V. Carvalho escreve para o público do Laço Materno

Ensaios do Nascimento 1 – Contatos Imediatos: os contatos que o bebê no útero tem com o mundo exterior e seus impactos na vida

Ensaios do Nascimento 2 – Lugar de homem no parto é onde?

Ensaios do Nascimento 3 – As intervenções terapêuticas na gravidez e seus impactos no empoderamento da mulher

Ensaios do Nascimento 4 – Sexo e gravidez: o “detalhe Z”

Ensaios do Nascimento 5 – Gravidez, enjoos e a saúde placentária

Ensaios do Nascimento 6- O trabalho de parto e o manejo natural das circunstâncias

Ensaios do Nascimento 7 – Preparação para um pós-parto sem sustos

Ensaios do Nascimento 8 – Gravidez e Naturopatia

Ensaios do Nascimento 9 – O pensamento terapêutico oriental e a gravidez

Ensaios do Nascimento 10 – Ervas, aromas e alimentação na gravidez

Ensaios do Nascimento 11 – A gravidez da transcendência pessoal